Sense Factory Racing tem fim de semana com vitória e ótimos desempenhos no Circuito Olímpico de Deodoro

Equipe da Sense Bike sai da reestreia da pista olímpica do Rio de Janeiro com vitória de Albert Morgen nas elétricas, Rubinho Valeriano em segundo e Mário Couto em quarto na Elite. 

Em um fim de semana para lá de especial, os atletas da Sense Factory Racing saem da reestreia da pista olímpica do Parque Radical de Deodoro, Rio de Janeiro, com muitos motivos para comemorar. Isso porque, no circuito que recebeu os maiores atletas do mundo no cross-country olímpico de 2016, o time oficial da Sense Bike conquistou a vitória nas e-bikes com Alberto Morgen, além do segundo e do quarto lugar na elite masculina, com Rubinho Valeriano e Mário Couto. 

As competições aconteceram no último domingo, dia 13 de junho, e foram válidas pelo Campeonato Estadual de MTB XCO do Rio de Janeiro.  

Rubinho Valeriano em segundo, dando a volta por cima

Depois de um período longe das competições, o três vezes olímpico Rubinho Valeriano provavelmente sentiu-se em casa no circuito do Parque Radical de Deodoro. Afinal, nos jogos de 2016, o “R1” estava lá, batendo guidão contra as maiores estrelas do planeta no cross-country olímpico. Por isso, o palco de sua reestreia em competições de XCO alto rendimento não poderia ter sido melhor – o vencedor na elite foi Ulan Bastos, com Gustavo Xavier sendo o mais rápido da prova, porém correndo pela Sub-23. 

“A prova hoje foi muito disputada. Não larguei bem porque a largada foi por ordem de chegada, e por isso tive que fazer um trabalho de recuperação na primeira das seis voltas”, comentou o experiente atleta. 

“Isso foi legal porque deu para sentir bem minha pilotagem no meio do pelotão. Na prova, fui ganhando cada vez mais terreno e, na terceira volta, já livre dos outros atletas, botei um ritmo constante para ir até o final. Consegui andar bem por um bom tempo no grupo dos líderes, mas aí com os retardatários, acabei não conseguindo chegar no primeiro”, complementou Rubinho. 

“Fico muito feliz com o resultado, já que gosto muito de correr nessa pista. Ela é muito técnica e tem muitas frenagens e acelerações, do jeito que eu gosto de correr. Fico muito satisfeito de chegar em segundo lugar na categoria elite, e isso foi muito bom para mim. Fico muito feliz em representar minha equipe, meus parceiros e patrocinadores”, finalizou Rubinho. 

Mário Couto com ótimo resultado na elite

Em seu primeiro ano, subindo da Sub-23 para a elite, Mário Couto segue forte em seu processo de evolução constante. Hoje, acelerando contra boa parte dos maiores nomes do XCO do Brasil, o jovem de Divinópolis, Minas Gerais, fechou sua participação com um excelente quarto lugar na elite.

“Estou muito feliz em voltar a competir em alto nível, principalmente nesta pista especial. Estou bastante satisfeito com meu desempenho nessa volta às competições de alto nível. O pelotão da Elite estava praticamente inteiro aqui, e esse é meu primeiro ano na categoria”, comentou Mario. 

“Saio muito feliz com o desempenho que consegui entregar, e ainda mais com o meu quarto lugar na elite. A prova foi disputada desde o início. Antes da largada caiu uma chuva que deixou a adrenalina ainda mais alta, e o circuito ainda mais técnico, o que trouxe uma dificuldade a mais, principalmente nos vários trechos de Rock Garden e single-track na mata”, explicou Mário. 

“Larguei muito bem e me encaixei em um grupo com os ponteiros. Na terceira volta o Rubinho conectou neste grupo. Depois, ficamos eu o ele fazendo um trabalho de equipe na quarta e na quinta colocação, mas no meio da quarta volta senti o ritmo, e comecei sentir algumas cãibras. Lutei contra elas até a sexta volta, mas mesmo assim mantive o ritmo forte, para fechar em quarto na elite e em quinto na geral”, finalizou Mário. 

Albert Morgen com vitória nas elétricas

Correndo mais uma vez nas elétricas, modalidade que tornou-se especialidade desta verdadeira lenda do MTB nacional, Albert Morgen mais uma vez mostrou que barril de gasolina nunca perde o cheiro. Com mais um excelente desempenho, o Petropolitano foi o mais rápido do dia nas e-bikes, adicionando mais uma vitória para seu extenso currículo. 

“O circuito estava muito duro e técnico, já que a pista estava molhada de manhã. Foram cinco voltas com a bike escorregando bastante. Mas, como já estava afinado no percurso, consegui andar bem o tempo inteiro para fechar em primeiro”, comentou o experiente atleta. 

Na próxima semana, a Sense Factory Racing volta para as pistas, mas desta vez do outro lado do Atlântico. No dia 19 de junho, Giugiu Morgen, filha de Albert, largará na Proffix Swiss Bike Cup, competição que acontece na Suíça e encerra a temporada da atleta na Europa. 

Depois, a equipe ruma para Carandaí, em Minas Gerais, para disputar a final da Copa Internacional de Mountain Bike, no dia 2 de junho. No dia 13, o time da Sense Factory Racing está com a presença confirmada na Internacional Estrada Real, competição que acontece na cidade mineira de Santana dos Montes. 

A Sense Factory Racing conta com patrocínios da Sense Bike, Abus, Fizik, Michelin, HB, Fox, Shimano, DT Swiss, Riderize, Exeed, Nomad e Sentec.

Imagens: Felipe Almeida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

rio cycling revista ciclo sul